Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Sexta, 08 Junho 2018 20:25

Cajati implanta projeto de piscicultura

O sucesso do projeto pode elevar o Vale do Ribeira ao nível de maior produtor de pescado do Estado, segundo o prefeito Vavá
Os tanques funcionam por um sistema de recirculação de água e cada um tem capacidade para criar 2.200 peixes Os tanques funcionam por um sistema de recirculação de água e cada um tem capacidade para criar 2.200 peixes Divulgação/PMC
Da Reportagem
Do Vale do Ribeira

A Prefeitura de Cajati acaba de implantar um projeto pioneiro no estado de São Paulo: o Desenvolvimento Regional Sustentável de Piscicultura em Tanques. A iniciativa foi uma indicação do deputado estadual Caio França (PSB), que fez a solicitação à Secretaria de Desenvolvimento Econômico do Estado de São Paulo, quando o atual governador Márcio França era o secretário da pasta. O convênio firmado integra a instalação de 25 tanques para a criação de peixes na cidade.

De acordo com o prefeito de Cajati, Vavá Cordeiro, uma das características do projeto é a facilidade da sua aplicação. “É possível promover a aquicultura (atividade que cultiva organismos aquáticos) em pequenas propriedades, pois funciona por um sistema fechado de produção de pescado que pode ser aplicado em um espaço pequeno”, explica. “Além disso, o projeto beneficiará a agricultura familiar com a geração de trabalho e de renda”, considera.

Os tanques funcionam por um sistema de recirculação de água e cada um tem capacidade para criar 2.200 peixes. Para participar do programa piloto foram selecionados 25 produtores, em parceria com a Associação dos Agricultores Familiares do Município de Cajati (AAGFAM). “A fase inicial é a de transferência de tecnologia e deve ocorrer por cerca de oito meses, tempo suficiente para que o pescado atinja tamanho e peso para a comercialização”, expõe o prefeito Vavá. “Após a comercialização, os produtores iniciarão novos ciclos de criação, com possibilidade de expansão”, sugere.

O sucesso do projeto pode elevar o Vale do Ribeira ao nível de maior produtor de pescado do estado, segundo o prefeito Vavá. “Esperamos que esses produtores possam, futuramente, fornecer para a merenda escolar em diversos municípios e fortalecer o setor da piscicultura”, acredita. “Sabemos do compromisso que o governador Márcio França tem com o Vale do Ribeira”, completou o prefeito.

*Matéria produzida por Suzana Scheibel

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado