Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
Segunda, 09 Outubro 2017 16:14

Brasil Game Show começa na quinta-feira com mais espaço para brasileiros

Neste ano o evento, que espera público de 300 mil pessoas em quatro dias, dá mais espaço para produtores brasileiros
Da Reportagem

Maior feira do setor no Brasil, a BGS 2017 (Brasil Game Show) abre nesta quinta-feira (12) ao público em São Paulo, no Expo Center Norte. Neste ano o evento, que espera público de 300 mil pessoas em quatro dias, dá mais espaço para produtores brasileiros. Dentre eles está a Kinship, que estreou por lá no ano passado. Em 2016, o evento aconteceu em entre os dias 1 e 5 de setembro.

Novata na época, com cinco meses de vida, a desenvolvedora de games ocupou um dos 70 espaços da “Área Indie” -neste ano, ganham estande maior na área principal. Se na feira do ano passado mostraram um protótipo de Skydome, criado em apenas quatro meses, agora chegam com objetivo de divulgar o projeto final.

“Fomos para a BGS para validar a ideia. Foi muito proveitoso, tivemos um feedback maravilhoso”, afirma Matheus Zanetti, coordenador de marketing da Kinship. A informação serviu para fazer ajustes no jogo. Na prática, recomeçaram a produção do zero, com mais calma, segundo Zanetti.

Com três vezes mais funcionários na empresa eram seis no ano passado e são 18 agora, todos brasileiros, a Kinship explica que ainda não há data para lançamento. Jogo exclusivo para PC, o Skydome é classificado como “action tower defence”. Nele, duas equipes de quatro jogadores lutam para dominar uma arena flutuante.

A Kinship faz parte de um mercado em crescimento. Segundo a Abragames (Associação Brasileira das Desenvolvedoras de Jogos Eletrônicos), em 2008 eram 43 empresas do ramo no Brasil. Hoje, são mais de 300.
Com isso, os desenvolvedores “indies” brasileiros terão mais espaço na BGS deste ano, a décima edição. Serão mais de 100 estandes. Em 2014, primeira vez que dedicaram área a desenvolvedores independentes, eram sete.

“A gente quer incentivar. É uma contrapartida da BGS para o mercado brasileiro”, diz Marcelo Tavares, CEO da Brasil Game Show.

A BGS deste ano trará também algumas estrelas do mundo dos jogos eletrônicos para participarem de painéis e para conhecerem os fãs. Entre eles estarão Hideo Kojima, criador da série “Metal Gear”, Ed Boon, criador da série Mortal Kombat, e Nolan Bushnell, criador do console Atari 2600. Além disso, o evento promoverá competições da Brasil Game Cup. Serão disputados torneios de League of Legends, CS:GO e Dota 2. No “Brasil Game Jam”, que acontece dentro da feira, estudantes universitários participarão também de uma maratona de 48h para desenvolver um projeto de game com um tema surpresa.

Ingressos

A Brasil Game Show será realizada no Expo Center Norte (Rua José Bernardo Pinto, 333) até 15 de outubro. Os ingressos podem ser comprados antecipadamente pelo site oficial da BGS (www.brasilgameshow.com.br) ou na entrada do evento, com valores de R$ 85 a R$ 400. As entradas para o sábado (14) já estão esgotadas. O local tem estacionamento com custo de R$ 22 para motocicletas, R$ 45 para veículos de passeio, R$ 65 para vans e R$ 90 para ônibus ou micro-ônibus. (FP)

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação
Comercial

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Diretor de Projetos Especiais
Marcelo Barros