Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Segunda, 28 Maio 2018 17:20

Falta de abastecimento atinge cidades do Litoral

Itanhaém, Cubatão, Guarujá e Peruíbe decretaram situação de emergência
Motoristas em frente a Base de Distribuição de Combustível de Cubatão, na Baixada Santista Motoristas em frente a Base de Distribuição de Combustível de Cubatão, na Baixada Santista Rodrigo Montaldi/Diário do Litoral
Da Reportagem
De São Paulo

Quatro cidades da Baixada Santista decretaram situação de emergência devido à paralisação dos caminhoneiros – e o consequente desabastecimento – que ainda afeta todo o País. A Prefeitura de Itanhaém foi a última a adotar a medida, anunciada nesta segunda-feira. Cubatão, Guarujá e Peruíbe já haviam feito o mesmo na última semana.

De acordo com o prefeito Marco Aurélio Gomes dos Santos (PSDB), a Rede Municipal de Ensino de Itanhaém, que inclui escolas, creches e projetos educacionais, terá suas atividades suspensas entre hoje e amanhã.

A Litoral Sul, responsável pelo transporte coletivo na cidade, está trabalhando com apenas 50% dos veículos nos horários de menor fluxo em três linhas: Gaivota/Centro, Mambu/Centro e Cabuçu/Cesp. Os demais itinerários são atendidos normalmente, mas o combustível era garantido apenas até a manhã de hoje.

A coleta de lixo domiciliar continua sendo realizada diariamente nas áreas comerciais. Nos bairros, o serviço começará a ocorrer em dias intercalados. Os resíduos hospitalares deixaram de ser recolhidos.

A Guarda Civil Municipal segue com viaturas na rua e o Centro de Operações e Inteligência continua atendendo ocorrências e monitorando a cidade.

Região

Em Cubatão, o prefeito Ademário Oliveira (PSDB) adotou a mesma medida na tarde do último sábado. Um gabinete especial de crise foi criado para monitorar os desdobramentos da paralisação. Ontem foi decretado ponto facultativo na cidade.

Peruíbe, onde a situação de emergência foi decretada já na quinta-feira, 24, continua sem combustível. A Jundiá, empresa que opera o transporte coletivo na cidade, não levou nenhum ônibus de suas 11 linhas para a rua. As escolas funcionaram parcialmente ontem, e as aulas estão suspensas hoje e amanhã. A coleta de lixo e os serviços de varrição estão garantidos.

Em Guarujá, a Translitoral informou que colocou nas ruas ontem apenas 30 dos 142 coletivos disponíveis como forma de minimizar os impactos da falta de combustível.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado