Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Sexta, 11 Maio 2018 16:43

Moradores e turistas reclamam dos buracos nas ruas de Ubatuba

Segundo o morador da cidade, Alexandre José Martins, o excesso de buracos está espalhado por todas as regiões
Moradores usam planta para sinalizar buraco em rua de Ubatuba Moradores usam planta para sinalizar buraco em rua de Ubatuba Divulgação
Por Patrícia Rosseto
Do Litoral Norte

“Já perdi a conta de quantas vezes tive que ir até o mecânico para reparar a suspensão e acabamentos do meu carro. Sem contar que os pneus da frente desgastam 50% mais rápido que o normal por conta da aspereza das ruas da cidade e por ficar virando incansavelmente para lá e para cá na tentativa de evitar um buraco ou outro maior”, diz reclamação postada no site “Reclame Aqui”. Porém, não é apenas na internet que aparecem as reclamações sobre a situação das ruas de Ubatuba, no litoral norte paulista.

Segundo o morador da cidade, Alexandre José Martins, o excesso de buracos está espalhado por todas as regiões. “Não é uma área exclusiva, um bairro, dois. Têm buracos no centro da cidade, em áreas nobres, sem falar nos bairros mais afastados, onde não há nem asfalto e a manutenção das ruas de terra é terrível. Não passam máquina, não podam o mato. Um bom exemplo é a via de acesso que vem do Rio Escuro até a Oswaldo Cruz. Onde há asfalto existem buracos, onde é terra está abandonado. A via é estreita e a vegetação sem corte diminui a visibilidade da pista”, declarou.

Ele acrescenta que tem dificuldades trabalhando no centro e morando no bairro bem próximo ao trabalho. “Do trabalho para a escola do meu filho e daí até chegar em casa é praticamente um rali. Quando chove então... A minha rua é parte de asfalto e parte de terra, se você foge de um, cai em outro”, relatou Martins.

Já o motociclista Fernando Meira, turista de Ribeirão Preto, interior paulista, aponta para o perigo de acidentes com motos. “Cair em um buraco andando por estas ruas é fácil, principalmente no bairro em que fiquei hospedado, que é um bairro bom e bonito, mas a noite a iluminação pública não contribui. Uma distração e o tombo é certo”, relatou o turista.

A prefeitura informou que está retomando os serviços de zeladoria em toda área central. Após o período de chuvas, que inviabiliza a execução e prejudica a qualidade dos serviços, já existe uma programação que a gestão Délcio Sato (PSD) visa cumprir, informou o secretário da pasta, Honório Ananíades Filho.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado