Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
Sábado, 02 Dezembro 2017 23:25

Dirigente da Ferrari volta a falar na ameaça de deixar a Fórmula 1

Sergio Marcchione fez a declaração durante a solenidade de apresentação da parceria entre a Sauber e a Alfa Romeo, em Milão
A Ferrari pode deixar a categoria do automobilismo entre 2020 e 2021 A Ferrari pode deixar a categoria do automobilismo entre 2020 e 2021 Associated Press
Por Folhapress

O diretor-executivo da Ferrari, Sergio Marcchione, disse que a escuderia continua a pensar na proposta de deixar a Fórmula 1 nas próximas temporadas. Ele Sergio Marcchione fez a declaração durante a solenidade de apresentação da parceria entre a Sauber e a Alfa Romeo, em Milão.

Ele disse que a Ferrari pode deixar a categoria do automobilismo entre 2020 e 2021. A equipe cogita a decisão desde que o grupo norte-americano Liberty Media a gestão do esporte. Uma das queixas são as modificações que os novos organizadores do esporte estão tentando imprimir.

"É grave a ameaça da Ferrari. Temos que encontrar uma solução. A Ferrari não pode se render. Nem todos os carros podem ter a mesma tecnologia, não é isso que [a modalidade] precisa", afirmou o dirigente.

Marcchione fez a afirmação com a presença Chase Carey, atual CEO da Fórmula 1, no evento em Milão. "Nós temos que encontrar uma solução que seja boa para o esporte, mas também temos que ser firmes em assuntos que não são negociáveis", concluiu o chefe da Ferrari.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação
Comercial

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Diretor de Projetos Especiais
Marcelo Barros