Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
Quinta, 09 Novembro 2017 13:52

Mesmo com time misto, Tite encara Japão como 'jogo de Copa do Mundo'

Apenas os titulares Alisson, Marcelo, Casemiro, Gabriel Jesus e Neymar vão entrar em campo na manhã desta sexta
Depois dos jogos deste mês, Tite terá apenas mais duas chances de ver os jogadores em ação Depois dos jogos deste mês, Tite terá apenas mais duas chances de ver os jogadores em ação Lucas Figueiredo/CBF
Por Folhapress

Apesar de escalar um time recheado de reservas nesta sexta (10), o técnico Tite quer que os jogadores encarem a os japoneses, em Lille, como um "jogo de Copa do Mundo".

Apenas os titulares Alisson, Marcelo, Casemiro, Gabriel Jesus e Neymar vão entrar em campo na manhã desta sexta.

"Terminei [o treino] com um exercício de imaginação [aos atletas]. Imaginem que agora tudo é Copa do Mundo, amanhã temos que simular um jogo de Copa do Mundo, são duas equipes que estão no Mundial", afirmou o treinador, que vai aproveitar o amistoso para fazer os últimos testes antes de fechar os convocados para a disputa do Mundial.

Na defesa, Tite vai escalar os reservas Thiago Silva, Jemerson e Danilo. No meio, ele vai dar chance para Fernandinho, Giuliano e Willian.

Na terça (14), a seleção vai contar com todos os titulares na partida contra a Inglaterra, em Wembley.

O meia Philippe Coutinho, que se recupera de uma lesão na coxa esquerda, vai treinar no domingo (12) com os titulares.

Depois dos jogos deste mês, Tite terá apenas mais duas chances de ver os jogadores em ação. Em março, o time enfrenta a Rússia e a Alemanha. Já em maio, ele anuncia os convocados para o Mundial da Rússia.

"O pouco tempo é desafiador. O tempo que eu tenho na seleção brasileira é menos do que três meses de clube. Procuro fazer essa avaliação justa com acompanhamento dos trabalhos nos clubes, jogos e treinos", disse o treinador.

A partida desta sexta (10) em Lille terá a ajuda do árbitro de vídeo. Tite aprovou o teste.

"Sou um grande incentivador do árbitro de vídeo, na busca pela justiça, do correto. Toda vez que o futebol premia o merecido, eu fomento. Que seja competitivo e leal, não haverá problema, o árbitro não vai te punir", disse o técnico da seleção.

"Eu, como técnico, quero que seja justo. Se eu tivesse um desafio, como tem no vôlei, eu gostaria muito.

Talvez eu queira demais, mas é o correto, justo, deve ser assim. Premiar o mais competente, quem merece, é a premissa", completou.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação
Comercial

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Diretor de Projetos Especiais
Marcelo Barros