Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
 
Segunda, 18 Junho 2018 18:13

Motorista embriagada mata duas pessoas, mas paga fiança e responde em liberdade

Mulher de 45 anos estaria embriagada quando atropelou quatro pessoas na avenida Heitor Antônio Eiras Garcia, na zona oeste
O veículo Golf de Claudia Lemes de Souza, de 45 anos, ficou totalmente destruído após o acidente O veículo Golf de Claudia Lemes de Souza, de 45 anos, ficou totalmente destruído após o acidente Reprodução/TV Globo
Da Reportagem
De São Paulo

A motorista que atropelou quatro pessoas e matou duas delas na avenida Heitor Antônio Eiras Garcia, no Jardim Esmeralda, zona oeste de São Paulo, pagou R$ 4,7 mil de fiança para responder ao processo em liberdade e teve sua Carteira Nacional de Habilitação (CNH) retida.

Segundo a Secretaria da Segurança Pública (SSP), Claudia Lemes de Souza, de 45 anos, estava embriagada quando atingiu os pedestres na noite do dia 24 de maio. Após o acidente, a mulher ainda bateu seu veículo Golf em um poste de eletricidade.

O caso ocorreu após mudanças feitas na Lei Seca. Antes, a pena por causar um acidente com morte era de 2 a 4 anos, o que permitia ao delegado estipular fiança. Agora, com a elevação da pena, a fiança só pode ser determinada em audiência de custódia.

De acordo com a SSP, Claudia chegou a ser presa em flagrante e ficar internada sob escolta no Hospital Geral de Pirajuçara, em Taboão da Serra. Ela foi indiciada por duplo homicídio culposo e lesão corporal culposa na direção de veículo.

O Golf ficou destruído e foi apreendido. O velocímetro do carro ficou travado na marca dos 100 km/h, mas isso não significa que a mulher guiava nessa velocidade. Só uma perícia poderá aferir a velocidade exata do veículo no momento do atropelamento.

O processo está no Fórum da Barra Funda, sob análise do juiz Jean Thiago Gilbert Pereira. Na audiência de custódia realizada no dia 25 de maio, sem a presença de Claudia, que estava internada, ele decretou a liberdade provisória da motorista, subordinada ao comparecimento mensal em juízo, proibição de frequentar bares e boates ou de se ausentar da comarca por mais de oito dias sem prévia comunicação ao juízo. Ele também determinou o recolhimento domiciliar no período noturno.

O juiz chegou a expedir o mandado de prisão para a motorista, que é babá, com o não pagamento da fiança. No dia 30 de maio, no entanto, o valor foi pago e o alvará de soltura expedido.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação - editor@gazetasp.com.br
Comercial - comercial@gazetasp.com.br

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Editorias
Brasil / Mundo / Estado / Capital / Grande São Paulo / Litoral / Vale do Ribeira / Serviços / Previdência / Variedades / Casa & Decoração / Turismo / Cinema

Colunistas
Pedro Nastri /
Nilson Regalado / Nilto Tatto/ Nilson Regalado/ Marcel Machado