Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
Segunda, 09 Outubro 2017 17:41

Acusados de abuso sexual vão para programa de reeducação

Os participantes, com idades entre 20 e 60 anos, foram chamados a refletir dentro de um projeto do Tribunal de Justiça de São Paulo anunciado em agosto, após seguidos casos de homens ejaculando em mulheres em ônibus de São Paulo
Por Estadão Conteúdo

Dezesseis homens acusados de abuso sexual no transporte público de São Paulo participaram neste domingo (8) de um programa de reeducação sobre o comportamento em ônibus e trens. Os participantes, com idades entre 20 e 60 anos, foram chamados a refletir dentro de um projeto do Tribunal de Justiça de São Paulo anunciado em agosto, após seguidos casos de homens ejaculando em mulheres em ônibus de São Paulo.

O sociólogo e coordenador do curso, Sérgio Barbosa, afirma que uma das ideias do curso é humanizar a mulher. “É claro que nenhuma mulher deseja ser molestada em ônibus ou trem. Se ela está usando um decote, se ela está usando uma roupa, é porque ela gosta. Isso não autoriza alguém a tirar proveito dessa situação. Isso é um desrespeito contra a dignidade humana. É um desrespeito a mulher”, disse ao “G1”.

Todo mês chegam ao Tribunal de Justiça cerca de 50 denúncias de abuso no transporte público. Até 28 de setembro, tinham sido 391 ocorrências. Em muitos casos, o agressor já havia respondido a um processo pelo mesmo motivo.

Um dos participantes afirmou, pedindo para não ser identificado, que o curso leva à conscientização. “Que a gente está lidando com um ser humano e não com objeto que você compra, usa, faz dele o que quer e não quer”, afirma.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação
Comercial

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Diretor de Projetos Especiais
Marcelo Barros