Edição de Hoje capa
Edições Anteriores
Quarta, 06 Dezembro 2017 12:46

Acho que o Moro é surdo e não ouve o que eu falo, diz Lula

O ex-presidente afirmou que a Lava Jato produz prejuízos ao trabalhador ao punir empresas, em vez da pessoa física
Questionado se não teria dito isso ao juiz Sergio Moro, Lula respondeu que sim. "Acho que o Moro é surdo. Não ouve o que falo", afirmou Questionado se não teria dito isso ao juiz Sergio Moro, Lula respondeu que sim. "Acho que o Moro é surdo. Não ouve o que falo", afirmou Montagem Instituto Lula
Por Folhapress

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse, nesta quarta-feira (6), que se sente indignado com a Operação Lava Jato.

Em entrevista à rádio Continental AM, em Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, Lula afirmou que a Lava Jato produz prejuízos ao trabalhador ao punir empresas, em vez da pessoa física.

Questionado se não teria dito isso ao juiz Sergio Moro, Lula respondeu que sim. "Acho que o Moro é surdo. Não ouve o que falo", afirmou.

Ao falar que existe uma campanha para impedir sua volta à Presidência, Lula negou que o juiz seja seu idealizador.

"Moro é o instrumento", afirmou o petista. "Tenho indignação com o comportamento da Lava Jato"

O ex-presidente realiza a sua terceira caravana em 2017, pelos Estados do Espírito Santo e Rio de Janeiro, na que é considerada a etapa mais difícil de suas viagens pelo Brasil neste ano.

Na segunda (4), Lula realizou ato em Vitória (ES) e chamou de bobagem a suposição de que pode não ser candidato na corrida presidencial em 2018.

Nesta terça (5), manifestantes protestaram contra o ex-presidente nas escadarias da Câmara de Vereadores de Campos, diante da praça onde Lula deu início à visita ao Estado do Rio.

Gazeta SP

Endereço
Rua Tuim – 101 A
Moema - São Paulo - SP - CEP 04514-100.
Fone: (11) 3729-6600

Contatos
Redação
Comercial

Diretor Presidente
Sergio Souza

Diretor Executivo
Daniel Villaça Souza

Diretor Comercial
Roberto Santos

Diretor de Negócios
Paulo Villaça Souza

Jornalista Responsável
Nely Rossany

Diretor de Projetos Especiais
Marcelo Barros